shadow

COMUNICADO DE IMPRENSA

CONFERÊNCIA EPISCOPAL TIMORENSE

Address : Balide, Dili, Timor-Leste

Tel.:                                Fax. :                            

Email : 81211cet@gmail.com

Secretário da Conferência Episcopal Timorense

 


 

COMUNICADO DE IMPRENSA

 

Secretariado Conferência Episcopal Timorense (CET), liu husi comunicado ida ne’e hakarak hato’o Igreja Católica Timor Leste ninia hanoin perante assassinato ne’ebe mak acontece iha Nova Zelandia:

 

Tuir doutrina Creda nian, ita hotu mesak Maromak ninia Ilas no lalatak. Nu’udar Criatura Nai Maromak nian, ita hotu mesak maun no alin. Ita hotu ninia destino iha Maromak de’it. La iha ema ida mak iha kbi’it atu hasai ema seluk nia vida.

 

Nu’udar criatura ita la hare ba ko’or, religião ka rasa maibé hakarak haré ba malu nu’udar ilas lolos Nai nian.

Hanesan ema, ita mos iha direito no liberdade ne’ebe mak hanesan.

 

Tamba ne’e mak Igreja Timor Leste sente laran triste ho acontecimento assassinato ne’ebe acontece iha Nova Zelandia, ne’ebe hakotu ema lubun nia vida. Lala’ok ida ne’ebe mak ita labele simu.

 

Liu housi meios ida ne’e, Igreja Timor Leste hakarak hato’o ninia profundo tristeza no hamutuk nafatin iha oração ho família sira hotu ne’ebe mak lakon sira ninia maluk.

 

Sarani Timor Leste reza atu Maromak Misericordioso perdua sira no simu sira hotu iha Na’i nia kadunan santa.

 

 

      Dili, 16 de Março de 2019

CARTA PASTORAL QUARESMA NIAN

 

DIOCESE DE DILI

SECRETÁRIADO – CÂMARA ECLESIÁSTICA


 

CARTA PASTORAL QUARESMA NIAN

NA’I, AMI SALA PERDUA AMI (Sal. 50)

 

Bispo, Dom Virgílio do Carmo da Silva SDB, hamutuk ho nia Conselho Prebisteral hanoin atu iha tempo Quaresma tinan ida ne’e, hato’o sira nia mensagem ba sarani tomak iha Diocese Dili, atu convida ita sarani tomak hodi hanoin, haklean no tau iha prática mensagem Carta Pastoral ne’e ho titulo: “Na’i, ami sala perdua ami”.

 

  1. Significado no folin Quaresma mai ita

Wainhira ita koalia kona ba Quaresma, katak loron ha’atnulu no número ne’e simbólico. Basá iha Antigo Testamentoto’o Jesus nia tempo, Biblia usa número 40 nudar tempo preparasaun ida nebe naruk atu bele celebra acontecimento boot ida. Exemplo : Dilúvio ne’e lori loron ha’atnulu, nudar preparação ba ba humanidade foun ida. Jesus mos hado’ok an ba rai fuik maran no halo jesum iha loron ha’atnulu nia laran hodi prepara an atu hahu halao nia missão boot be Aman Maromak haruka nia aatu halo, etc. Ne’e duni, ba ita ema sarani, atu ita bele celebra didiak Pascoa, Nai Jesus Cristo nia terus, nia mate no nia moris hias, ita precisa loron ha’atnulu hodi prepara ita an diak liu, basá festa ne’e boot liu hotu festa sira seluk, tamba ita celebra Cristo nia moris hias.

 

Sa ida mak ita ema sarani precisas halo iha tempo Quaresma ne’e? Quaresma ne’e nudar tempo especial ida, nebe iha leitura sira be ita lê no rona, sei convida ita hotu atu halo renovação ba ita nia moris no ita nia prática lor-loron nian atubele sai sarani diak liu. Programa tolu mak ita precisa halo tuir, atu ita nia Quaresma ne’e iha folin, hanesan Evangelho Quarta-feira Cinzas convida ita atu halao: Uluk liu, halo Caridade, katak halao hahalok diak. Rua, halo Oração no tolu mak halo Jejum eh Penitência. No iha programa tolu ne’e, Jesus bolu atenção makas ba nia apóstolo sira no ita sira be tuir Nia atu halao iha haksumik laran no la’os atu hatudu ba ema seluk aatu hetan hahi. Katak halo ho inteçãol los atu bele monu ba Nai nia laran.

 

  1. Sucesso no insucesso iha tempo ukun-an

Ita ukun an besik tinaan sanulu resin hitu nia laran no ita hotu fo liman ba malu tuir idak-idak nia dalan, ne’e duni mak housi aspeto reconciliação, sai positivo, basá ita consciente katak ita mesa Timor oan  no maun-alin, maski iha tempo ida ita fahe malu, oho malu no halo tan buat at selu-seluk. Ita nia educação mos la’o ba oin, maski ita hatene katak ita precisa tan hadia nia qualidade diak liu no escola nebe bele hatan ba ita nia necessidade ohin loron. Iha daúde ita hare ida mudança, maibe ita simu katak precisa tempo atu bele sai diak liu tan. Ema kiak sira hetan ajuda, exemplo ida mak “bolsa da mãe”. Iha liberdade atu ita bele hato’o ita nia nia hanoin liu housi dalan oi-oin. Ita nia estrutura fisica sira iha mudança positiva dadaun, hanesan estrada sira, uma no selu-seluk tan. Iha agricultura lao ba oin nafatin maski nei-neik. Nação kiik ho nia população oituan, maibe iha partido barak no povo sira bele hola parte iha partido sira ne’e la hamosu conflito barak, liu-liu iha tempo elição. Ne’e katak ita nia povo hahu iha ona conciência kna ba ema seluk nia direito no obrigação. Iha sector justiça mos la’o daudaun ona ba oin, maibe seidak hatudu nia oin katak justiça ne’e hala’o ba ema hot-hotu.

 

Wainhira ita hahu ukun an, iha 2002, ita halo parte iha nação kiak liu, hanesan mos Serra de Leoa, maibe tinan-tinan ita sae nafatin no lalais liu nação lubun ida iha Ásia nom itya tama tiha ona iha “Medium Development”, maibe tun iha “indice de Desenvolvimento Humano” (IDH). Iha tinan 2016 no 2017.

 

Hare ba naroman sira be ami temi tiha ona iha leten, ita mos la taka matan ba desafio lubun ida nebe ita precisa hanoin klean, oin sa bele sai diak liu tan: uluk nanain impasse política nebe naruk, hodi halo ita nia “indice Desenvolvimento Humano” tun tiha, tuir relatorio Nações Unidas, hanesan ami temi tiha ona, nebe hamosu situação ida la estável. Nune’e, ema barak mak lakon serbisu, onda violência mai husi “arte marciais” a’as tebes. Ne’e katak, ho crise ne’e, ema kiak sira mak terus nafatin, hanesan Papa Francisco dehan (cf. Laudato si 49). Hare ita nia cidade Dili naakonu ho foer, tamba ita la dun iha consciência kona ba folin limpeza ba ita nia saúde no ba cidade nia furak. Ema sunu nafatin du’ut iha tempo bailoron no tesi ai nafatin. Moral familia sira mihis dadaun no violêcia doméstica mosu nafatin iha familia laran. Hanoin kona ba ema barak nia diak la dun maka’as, ne’e duni corrupção mos buras, maski combate dadaun. Droga aumenta nafatin. Iha ema eh organização balun encoraja ema ba sexo livre no número moras HIV/SIDA mos sae nafatin.

 

  1. Reconciliação no Comunhão Fraterna

Ita hare karik ba mundo ohin-loron no liu-liu ba ita nia rai Timor-Leste nebé koalia iha leten, wainhira ita tomak lê-an uitoan, ita hetan katak iha sociedade humana no liu-liu sociedade Timorense nia laran ita percisa hametin liutan ita nia unidade (cf. João Paulo II, Reconciliation et Penitentia, 2) nebé seidauk la’o ho diak. No kuran unidade ne’e ita experimenta rasik iha ita nia familia sira, iha ita nia comunidade no iha ita nia sociedade. Ita descobre katak nia abut la mai hosi liur, maibé mosu no hela iha ema nia laran, housi ema nia fuan rasik hodi hamoris desordem interior (cf. Mat. 15, 19-20); nune’e ita hewai no fila kotuk ba Maromak nia domin, hakotu relação ho Maromak, ho lian seluk monu ba sala, monu ba pecado. Hewai no fila kotuk ba Maromak, katak ita ema hahu halo áat ita-an rasik nu’udar ilas no lalatak Maromak nian. No ita tama ona iha contradição ho ita-an rasik hodi hase’es no hado’ok-an housi Maromak, ho nia consequência hamosu contradição no conflito social sira.

 

3.1. Reconciliação nu’u Karan-Ksolok Maromak nian ba ema.

Ita hatene katak ema hotu-hotu nebé hanoin diak hakarak mundo ida unido, Timor-Leste ida unida, Kreda ida unida, no ema hotu-hotu hakarak dame no harmania ho ema hotu-hotu. No liu-liu ita ema nu’u sarani iha desejo boot tebes, tuir Evangelho, atu moris iha hakmatek no iha harmonia ho ema hotu-hotu. Iha mundo ohin loron nian, no mós iha ita nia rai Timor-Leste, mosu beibeik esforço barak hodi hamoris no haburas dame no harmonia entre povo sira no entre sociedade. Maibé, atu hadia di’ak liu tan unidade ne’e, ita percisa to’o ba nia abut nebé subar hela iha ema ida-idak nia fuan laran rasik, nune’e halo ema hase’es-an housi Maromak, iha doutrina Kreda nian hanaran pecado eh sala. Tamba ne’e, percisa reconciliação ida nebé tama to’o iha ema nia fuan-laran no ba ema nia conciência rasik, hanesan São Lucas hato’o iha aiknanoik kona ba Oan nebé husik hela uma (cf. Lc. 15, 11-32; João Paulo II, Reconcilitio en Penitentia, 3). Reconciliação lolós no diak nian hahu uluk ho conversão eh penitência.

 

Liafuan reconcilição ne’e mai housi lian português nebé tau iha lian tetum katak hadia fali relação  entre ema rua eh grupo sira nebé uluk ladiak, ba fali situação di’ak no harmónica. Iha contexto doutrina sarani, reconcilição katak Maromak hadame malu fali ho ema (nebé hado’ok-an housi Maromak) liu housi Jesus Cristo nia terus, mate no moris hias.

Kaer ba hanoin temi daudaun ne’e, ita hatene katak reconcilição ne’e nu’u graça eh karan ksolok Maromak nian ba ema maksalak, tamba ema ho nia kbiit rasik labele halo buat ida. Maromak mak hola iniciativa haruka Nia Oan Mane Mesak, Jesus Cristo hodi terus no mate iha Cruz hodi hadame fali ema ho Maromak. Tamba ne’e, dalan hodi ba to’o reconcilição mak converção eh penitência, katak ema ho tulun graça Maromak nian tama to’o nia-an nebé klean hodi reconhece katak nia ema sala nain no hakribi-an, hodi dehan: “Na’i, ami sala, perdua ami”. (Sal. 50). Ho nune’e ema fila fali ba Maromak nebé hein nafatin hela nia, “Fila imi nia laran no neon mai Ha’u hodi hadera-an, hodi tanis no halerik. Hakanek imi laran; lalika le’es imi nia hatais, maibé le’es maka imi nia fuan…” (Joel 2, 12-18). Iha ne’e ita haré katak autor reconcilição nian mak Maromak rasik. Housi mea exige de’it haraik-an, reconhece nia-an nu’u maksalak hodi halo converção en penitência.

 

Tempo Quaresma ne’e mak tempo forte nakonu ho graça Maromak nian, liu housi oração, hadera-an no caridade hodi halo di’ak ba maun-alin sira no ema haka’as-an fila ba Maromak, “tan Maromak rasik dehan, iha tempo di’ak Ha’u rona ó! Iha tempo Maksoyn, Ha’u tulun ó! Oras ne’e daudaun mak tempo di’ak atu ida-idak fila ba Maromak” (2 Kor. 6, 2).

 

3.2. Reconciliação halo ema hadame malu mós ho maun alin

Ema hetan ona relação di’ak ho harmónica ho Maromak, housi reconciliação ne’e exige ema atu haburas harmonia mós ho nia maun-alin sira. Tamba baseia ba Cruz Cristo nian nebé sai sinal reconciliação Maromak ho ema, ita hetan dimensão rua: dimensão vertical, kait ba Maromak no dimensão horizontal, kait ba maun-alin sira. Ema dehan karik nia di’ak no dame ho Maromak, maibé ladi’ak no la dame ho maun-alin sira, ida ne’e bosok ten (cf. 1 Jo, 4, 20). Nune’e, relação di’ak no hamrónica ho maun-alin sira ne’e percisa hatudu iha realidade moris lor-loron nian, hanesan: buka rona malu, halo diálogo wainhira mosu desentendimento, ho brani fó perdão wainhira sente ofendido no ho haraik-an reconhece sala hodi husu desculpa. Housi ne’e buka rona no comprende malu no rona ema nia halerik. Ida nune’e halo ema moris unidade iha deversidade no iha comunhão fraterna. No comunhão fraterna ne’e moris, hari’i metin iha justiça, hakbi’it no habo’ot nafatin loron ba loron liu housi hahalok di’ak.

 

  1. Reconciliação, Ita Hotu nia Missão

Liu tiha moris hi’as iha loraik loron primeira semana, Jesus Cristo mosu ba nia escolante sira, nebé hela de’it iha uma laran tamba ta’uk, dehan: “Dame hela ho imi” (Jo. 20, 19-23). Interessante, liu tiha comprimenta nia escolante sira ho liafuan “Dame hela ho imi”, Jesus moris hi’as hatudu Nia liman, ain no sorin kanek ba sira, atu hateten ba sira katak dame nebé Jesus haraik ba sira, mai housi kanek hirak nebé sei sai wé matan reconciliação ba sira no ba mundo tomak, nu’u karan ksolok ida housi Maromak ba ema no ba mundo. Tuir fali, Jesus dehan: “Nu’udar Ha’u Aman haruka Ha’u mai, nune’e mós Ha’u haruka imi ba” (Jo. 20, 21), hafoin Nia hu’u iis ba escolante sira dehan: “Simu ba Espírito Santo” (Jo. 20, 22). Ho liafuan hirak ne’e, Jesus hakarak Nia missão ne’e la’o ba oin nafatin ho kbiit Espírito Santo. Ne’e duni, nu’u sarani católico, ita, iha missão atu haburas hakmatek no comunhão faterna.

 

 

Sexta-feira, loron ualu fulan Março tinan rihun rua sanulu resin sia.

COMUNICADO

COMUNICADO KONA BA CASO RICHARD DASCHBACH

RESUMO PASSOS IMPORTANTE LIU NEBÉ HALA’O KONA BA

CASO RICHARD DASCHBACH

 

  1. Loron 01 fulan março, 2018, Superior General SVD simu carta acusação husi familia vitimas hasoru Daschbach.
  2. Loron 02 fulan março, 2018, Superior General contacto Pe. Gapun, Sup. Regional liu husi telefone hodi fo instrução:
  • Muda lalais Daschbach husi Orfanato Topu-Honis, Oe-cusse no lori nia ba hela iha Uma Regional SVD iha Dili.
  • Halo tuir politica acusaçãjo abuso sexual minoridade, no hahu immediatamente processo investigação wainhira Daschbach hela iha Uma  Regional iha Dili, no issue penal preceito.
  • Hetan email husi familia no informa sira kona ba ação immediatamente nebe hala’o ona: muda tiha Daschbach husi Orfanato no hahu investigação.
  • Fo hatene ba bispo diocese Dili, kona ba acusação ne’e.
  1. Loron 05 fulan Março, 2018, Pe. Gapun, lori Daschbach ba Dili, ba uma Regional SVD Dili. Iha ne’e, iha conferencia telefone Daschbach ho Superior General hamutuk ho nia membro generalato na’in tolu ko’alia direitamente, ho sasin Pe. Gapun ho Pe. Kornelis Key, Daschbach confessa acusação ne’e hodi dehan: “This is 100% true”
  2. Loron 13 fulan Março, 2018, Procurado Geral SVD nian haruka carta ba Mons Luis Francisco Ladaria Ferrer, SJ, Perfect Congregação Doutrina da Fe (CDF), fo hatene caso Daschbach ne’e.
  3. Loron 29 fulan Março, 2018, Acting Superior General, Fr. Robert J. Kisala, SVD hakerek no haruka Pe. Gapun atu ho Daschbach  apresenta caso ne’e ba autoridade civil.
  4. Loron 23 fulan Maio, 2018, apresenta caso ne’e ba autoridade civil iha Oe-cusse.
  5. Loron 09-10 fulan Maio, 2018, apresenta caso Daschbach ne’e ba Serviço de Investigação Criminal (PNSIC) iha Dili.
  6. Loron 23 fulan Maio, 2018, apresenta no entrevista Daschbach ho Superintendente da Policia no Chefe Serviço de Investigação Criminal da Policia Nacional de Timor Leste (PNSIC).
  7. Loron 13 fulan Julho, 2018, Mons Giacomo Morandi, Secretary CDF haruka carta ba Superior General, husu atu nia rasik ou haruka delegado ida hala’o processo penal administração ba “Imposting or declaring a penalty”
  8. Loron 24 fulan Julho, 2018, Superior General haruka carta ida ba Pe. Gapun, delega nia atu hala’o processo penal administração ba caso Daschbach, no fo hatene nia kona ba passos processo ne’e.
  9. Loron 19 fulan Agosto, 2018, Pe. Gapun haruka carta ba Superior General, informa katak Daschbach decidi sai husi Congregação Verbo Divino. Nia husik Uma Regional iha Dili, la iha permissão husi Superior Regional no fila fali ba Orfanato Topu-Honis iha Oe-cusse.
  10. Loron 20 fulan Agosto, 2018, Superior General haruka carta ba Pe. Gapun husu atu:
  • Fo hatene ba autoridade civil katak, Daschbach husi ona Uma Regional iha Dili la iha permissão, no ba ona Topu-Honis-Oe-cusse.
  • Fo hatene ba Ordinary local (Bispo Diocese Dili) kona ba incidente ida ne’e.
  1. Loron 21 fulan Agosto, 2018, Fr. Dikos, Procurador Geral SVD nian haruka carta ba Mons Giacomo Morandi, fo hatene ba nia katak, Daschbach husik hela Uma Regional iha Dili, no fila fali ba Orfanato iha Oe-cusse.
  2. Loron 18 fulan Setembro, 2018, Pe. Gapun haruka carta ba Superior General fo hatene documento importante kona ba Daschbach:
  • Carta Pe. Gapun ne’e bolu Daschbach fila fali ba comunidade, no fo atenção serio kona ba consequencia sira wainhira nia la kohi fila;
  • Carta husi diocese Dili nebe suspende Daschbach husi ministério pastoral no sacramento sira.
  • Declaração kona ba entrevista ho CIS.
  1. Loron 27 fulan Setembro, 2018, Superior General haruka carta ba Pe. Gapun husu nia atu hakerek carta ba Serviço de Investigação Criminal da Nacional Timor Leste iha Dili kona ba  Daschbach nebe husik hela Uma Comunidade Dili la ho permissão, no fila ba Topu-Honis-Oe-cusse.
  2. Loron 15 fulan Outubro, 2018, carta husi Superior General ba Mons Luis Francisco Ladaria Ferrer, SJ, Perfect CDF, husu atu:
  • Confirma Decreto Dismissal Daschbach husi Sociedade Verbo Divino;
  • Fo autorização ba Superior General atu fo sai Decreto Dismissal Daschbach husi estatuto clero-Na’ilulik.
  1. Loron 06 fulan Novembro, 2018, carta husi Mons Giacomo Morandi, Secretary CDF, ba Superior General:
  • Informa katak Decreto Dismissal Daschbach husi congregação Sociedade Verbo Divino aprovado ona husi CDF;
  • Fo autorização ba nia atu hasai Decreto Dismissal Daschbach husi estatuto Clero-Na’ilulik.
  1. Loron 30 fulan Novembro, 2018, Daschbach simu ona assina tiha carta Decreto Dismissal rua ne’e katak, nia la membro Congregação Sociedade Verbo Divino ona, no la Na’ilulik ona.

Comunicado Oficial CET

 

CONFERÊNCIA EPISCOPAL TIMORENSE

Address : Balide, Dili, Timor-Leste

Tel. :                      Fax. :

Email : 81211cet@gmail.com

Secretário da Conferência Episcopal Timorense


 

Prot.N. 006/12/CET/2018

 

COMUNICADO OFICIAL

 

Iha loron 05 fulan Desembro 2018, iha Câmara Eclesiástica de Dili, Amo Bispo sira halo eleição hodi hili fali Presidente Episcopal Timorense foun tan Presidente tuan ninia mandato hotu ona.

Ne’e duni, iha eleição secreta ne’e, Amo Bispo sira hili fali Sua Excia. Reverendíssima Mons. NORBERTO DO AMARAL – Bispo Diocese Maliana nian mak sai nudar PRESIDENTE DA CET, Sua Excia. Reverendíssima Mons. BASÍLIO DO NASCIMENTO – Bispo Diocese Baucau, Nudar SECRETÁRIO GERAL DA CET e Sua Excia. Reverendíssima Mons. VIRGÍLIO DO CARMO DA SILVA, SDB – Bispo Diocese Dili nudar PRO-PRESIDENTE DA CET.

Comunicado público ne’e fo sai hodi fo hatene ba Nai-lulik sira, Religioso no Religiosa sira no mos ba comunidade sarani Católica tomak iha Timor Leste nian atu hatene no Decreto ne’e hahú vale loron ne’ebe fo sai comunicado oficial ida ne’e.

 

 

 

 

 

Procissão Nossa Senhora do Rosário

DIOCESE DE DILI

SECRETARIADO – CÂMARA ECLESIÁSTICA


Rev. dos Párocos,

Sacerdotes, Religiosos, Religiosas,

Sarani tomak Diocese Dili nian

 

          Ho Oficio ida ne’e hakarak hato’o kona ba programa Diocese nian, katak, iha próximo dia 13 de Outobro de 2018, sei hala’o “Procissão Nossa Senhora do Rosário” iha Dili, hodi hanoin fulan Rosário nian. procissão ne’e sei hahú iha:

 

                    Fatin   : Igreja Paroquia Motael

                    Loron : Sábado, 13 de Outobro de 2018

                    Horas : 16.00 Htl

                    Termina ho “Benção do Santissimo” iha Monumento Nossa Senhora Lecidere

 

          Relaciona ho acto religioso ida ne’e, husu participação em massa husi Rev.dos Párocos, sacerdotes, religiosos, religiosas, seminaristas, aspirante, postulantes, noviças escolantes/estudantes, sarani tomak no mos movimentos eclesiais sira hanesan :  Apostolado da Oração, Cruzada Eucarística, Acólitos, Escuteiros, Juventude Católica, Opas vermelhas, etc.

 

          Procissão iha solenidade Nossa Senhora do Rosário nian ne’e nudar momento manifestação ita nian fiar católica. Nune’e hot-hotu sei tuir ho fé, oração e devoção tomak no ida-idak iha obrigação atu lori ka kaer terço.

 

          Ne’e deit kona ba programa Diocese nian, ba hot-hotu nia atenção no colaboração, ami hato’o obrigado wa’in.

Câmara Eclesiástica de Dili, 04 de Outubro de 2018

 

 

O chanceler

Pe. Ludgério Martins da Silva

DIOCESE DE DILI

DIOCESE DE DILI

SECRETARIADO – CÁMARA ECLESIÁSTICA


 

No Ref             : 160/CH/IX/2018

Assunto           : Aviso be Peregrinação ba Ramelau

 

Reverendos Padres.

Reverendas Madres, Religisos-Religiosas

no sarani Tomak

 

          Liu hosi carta ida ne’e hakarak informa ba sarani tomak katak iha fulan Outubro ne’e, Diocese Dili hamutuk ho Governo sei hala’o abertura hikas actividades Peregrinação ba visita estátua Nain-Feto iha Foho Ramelau hafoin taka ba públika durante fulan tolu nia laran.

          Peregrinacão ida ne’e sei hala’o iha loron Sábado- Domingo, 06-07 de Outubro de 2018 ho intencão mos atu atu hala’o acto de raparação no husu perdão no atitudes desrespeito hirak nebé hala’o visitantes sira antes ne’e. Programa nebé sei hala’o :

Sabado, 06 de Outubro:

18.00h (tuku 6 loraik) : sei hala’o Ceremónia abertura ba visita foho Ramelau, haho Governo iha santuario São Francisco de Assis –Aiguarema hodi hahu Viagem ba Ramelau tutun.         

22. 00h (tuku 10 Kalan de Outubro : Missa no continua ho Adoracão Santísimo to’o tuku 6 dadersan.

Domingo, 07 de Outubro:

08.00h            : Missa

Missa hotu tiha sei continua ho Procissão ba estátua Nossa Senhora iha Ramelau tutun.

          Husu ba sarani sira nebé atu participa, bele hala’o peregrinacão ne’e  ho fé no devocão Tomak hodi hakiak ordem, diciplina no ambiente religioso hodi tuir ceremonia sira nebé programado ona. 

 

Ba atenção no colaboração tomak, ami hato’o obrigado wain.

Dili, 26 de Setembro de 2018 

                                                              

 

Pe Ludgerio Martins da silva

O Chanceler

Aviso

DIOCESE DE DILI

SECRETARIADO – CÂMARA ECLESIÁSTICA


 

Oficio Nú        : 90/CH/V/2018

Referência      : Aviso ba Missa no Procissão do Corpo de Deus

 

Rev.dos Senhores Párocos,

Sacerdotes, Religiosas,

Sarani tomak Diocese Dili nian

Tuir determinação Amo Bispo nian, tinan-tinan festa Solenidade Corpo de Deus  sei selebra iha quinta feira depois do Domingo de Santíssima Trindade tuir calendário universal nebe sai mos loron Feriado Nacional. Ba tinan ida ne’e ita sei selebra loron solenidade Santíssimo Corpo de Deus nian iha dia 31 de Maio hodi selebra  Missa iha paróquia hot-hotu. Ba Paróquia sira iha Dili laran, ita sei hala’o mos “Procissão Santíssimo Corpo de Deus” iha Dili.

Procissão ne’e sei hahu iha :

Fatin    : Igreja paroquial Balide

Loron  : Quinta-Feira, 31 de Maio de 2018

Horas   : 15.30.htl

Termina ho “Benção do Santíssimo” iha Monumento Nossa Senhora Lecidere

 

Relacionado ho Procissão ida ne’e, husu participação em massa husi Rev.dos Párocos, sacerdotes, religiosos, religiosas, seminaristas, aspirantes, postulantes, noviças, estudantes, sarani tomak no mos vários mivimentos eclesiais hanesan : Apostolado da Oração, Cruzada Eucarística, Acólitos, Meninos do Coro, Escuteiros, Juventude Católica, Opas vermelhas, etc.

Ida ne’e mak programa Diocese nian no ba hot-hotu nia atenção no colaboração, ami hato’o Obrigado wa’in.

Câmara Eclesiática de Dili, 23 de Maio de 2018

 

O Chanceler

Pe. Ludgério Martins da Silva

Convite

 

Atu reflete hamutuk situasaun  família Timor nian ligado ho aspecto Fiar ho Cultura, ami husi Departamento Família Diocese Dili hakarak convida maluk sira atu mai partisipa iha Conferência ho tema “Família Cristã No Cultura Familía Tradicional”  nebe sei halao iha:

Data      : Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Fatin     : Salão Paroquial Catedral, Igreja Catedral nia sorin

Oras      : 08.30 – 12.30 Otl

Tuir mai aprezenta horário ba programa iha convite ne’e.

Ita nia partisipasaun hodi hanoin hamutuk realidade família iha ita nia rain sei fo naroman liu tan ba ita nia knar ho família sira. Ba atensaun tomak ami hato’o agradese wain.

 

Horário

08.30 – 09.00    : Simu Convidados

09.00 – 09.10     : Oração No Palavras De Boas Vindas Husi Diretor Do Departamento

09.10 – 09.20     : Lia fuan ruma husi Sra. Cídalia Lopes Nobre Guterres, Esposa do Presidente   da RDTL

09.10 – 10.00     : 1º Orador

10.00 – 10.40     : 2º orador

10.40 – 11.00      : Snack

11.00 – 12.30       : Sessão de Perguntas

12.30                    : Almoço

Kontaktu ba konfirmasaun : (+670) 77280929 (Pe. Ludgério)

 

Ami nebe convida,

Pe. José Taçain, SVD

Diretor do Departamento da Família Diocese Dili

Comunicado

Hanesan tinan-tinan esmola sira iha sexta feira Santa sei destinado hotu ba Terra Santa hodi tulun Igreja sira iha neba.

 

 

Perfeito Congregação para

os Igreja Orientais

Leonardo Card. Sandri

 

 

Carta de Prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais

14 de Fevereiro de 2018
Quarta-feira de Cinzas

 

Excelência Reverendíssima

O itinerário quaresmal que estamos a viver convida-nos a subir a Jerusalém pela estrada da cruz onde o Filho de Deus consumará a sua missão redentora. Nesta peregrinação somos acompanhados pelo Espírito Santo que nos desvenda o sentido da Palavra de Deus. Além dos Sacramentos, especialmente da Eucaristia e da Penitência, somos vivificados pelo jejum, a oração e a esmola. É este, pois, um tempo propício para nos avizinharmos de Cristo reconhecendo a nossa pobreza e os nossos pecados e viver a humilhação e aniquilamento do Filho de Deus “que era rico, mas fez-Se pobre por vossa causa, para vos enriquecer com a sua pobreza” (2 Cor 8,9).

É, também, um tempo por excelência para nos tornarmos mais próximos dos outros através das obras de caridade, considerando que o caminho quaresmal não é um acto solitário, mas sim um itinerário de solidariedade no qual cada um é chamado a abeirar-se, como o fez o Bom Samaritano, colocando-se ao lado dos irmãos que têm dificuldades em levantar-se e a retomar a estrada por múltiplas razões.

Mais uma vez, este ano, a tradicional “Collecta pro Terra Sancta” de Sexta-feira Santa, será para os fiéis uma ocasião propícia para se unirem aos nossos irmãos da Terra Santa e do Médio Oriente. Infelizmente, desta zona, o grito de milhares de pessoas, que se encontram privadas de tudo, até ao limite da própria dignidade de homens, continua a sentir-se, ferindo os nossos corações e convidando-nos a abraçá-los na caridade cristã, fonte segura de esperança.

Sem o espírito de Cristo que aniquilou-Se a Si próprio. Assumindo a condição de servo, tornou-Se semelhante aos homens. Aparecendo como homem, humilhou-Se ainda mais, obedecendo até à morte, e morte de cruz” (Filip 2,7-8), o grito do irmão permanece inaudível e os rostos de milhares de pessoas desfavorecidas ficam na indiferença.

Qual poderia ser o modo melhor para meditar nesta Kenosis do Filho de Deus senão os próprios lugares que conservam, depois de mais de 2000 anos, a memória da nossa redenção? Indico, com particular atenção, as duas Basílicas: a da Natividade, em Belém, construída sobre a gruta onde nasceu Jesus; e a Basílica do Santo Sepulcro, em Jerusalém, construída sobre o túmulo de Jesus, que se tornou o gérmen da vida com a Sua Ressurreição. Ambas, graças à colaboração e generosidade de tantíssimas pessoas de boa vontade, foram restauradas no ano passado. Edificar a Igreja da Terra Santa, nos seus edifícios e nas suas pedras vivas, que são os fiéis cristãos, é responsabilidade de toda a Igreja Cristã particular, conscientes de que a fé cristã teve como seu primeiro centro propulsor a Igreja Mãe de Jerusalém.

A comunidade católica da Terra Santa, nos seus diversos rostos, como seja o da Igreja latina da Diocese Patriarcal de Jerusalém, o da Custódia Franciscana e de outras Circunscrições, como o da Igreja dos orientais B greco-melequita, copta, maronita, síria, caldeia, armena B com as famílias religiosas e os organismos de todo o género, têm a vocação especial de viver a fé naquele contexto multirreligioso, político, social e cultural. Apesar dos desafios e inseguranças, as paróquias continuam o fazer o seu trabalho pastoral dando atenção preferencial aos pobres. As escolas são lugares de formação e encontro entre cristãos e muçulmanos, esperando, contra toda a esperança, um futuro de respeito e de colaboração. Os hospitais e os ambulatórios, os hospícios e os centros de encontro continuam a acolher doentes e necessitados, deslocados e refugiados, pessoas de todas as idades e religiões que foram atingidas com o horror da guerra.

Não podemos esquecer milhares de famílias, entre as quais crianças e jovens, que escapam da guerra na Síria e no Iraque, muitos dos quais em idade escolar, que apelam à nossa generosidade para retomar a vida escolástica e assim poderem sonhar com um futuro melhor.

Uma lembrança particular vai para a pequena comunidade cristã do Médio Oriente que continua a manter a fé entre os refugiados no Iraque e na Síria, ou na Jordânia e no Líbano assistida pelos seus pastores, religiosos e voluntários de vários países. Os rostos destas pessoas interrogam-nos sobre o sentido do ser cristão, as suas vidas em extrema dificuldade inspiram-nos. O Santo Padre Francisco na sua mensagem para a celebração da jornada mundial da paz deste ano afirma: “Com espírito de misericórdia, abracemos todos aqueles que fogem da guerra e da fome e que são obrigados a deixar as suas terras por causa das discriminações, perseguições, pobreza e degradação ambiental”. Somos chamados a mostrar-lhes a nossa proximidade, concretizada através da nossa oração constante e mediante a ajuda económica, em particular depois da libertação da Planície de Nínive. Muitos cristãos iraquianos e sírios desejam retornar à sua própria terra onde as suas casas foram destruídas, onde escolas, hospitais e igrejas foram devastadas. Não os deixemos sós!

Todos somos convidados a retomar as peregrinações à Terra Santa, porque o conhecimento e a experiência vivida nos lugares da nossa redenção seguindo as pegadas de Jesus, Maria, José e os seus discípulos, ajudam a aprofundar a nossa fé e, também, a compreender o contexto em que vivem os cristãos da Terra Santa. As peregrinações constituem, entre outras, uma ajuda preciosa para a sobrevivência de milhares de famílias.

Nestes dias de preparação para a Páscoa, convido-vos fraternalmente a empenhar-vos em vencer o ódio com o amor, a tristeza com a alegria, rezando e trabalhando, para que a paz habite no coração de cada pessoa, especialmente no dos nossos irmãos da Terra Santa e do Médio Oriente.

A Vossa Reverência Senhor Bispo, aos Sacerdotes, aos Consagrados e aos Fiéis que se empenham para que esta Colecta seja bem conseguida, tenho a alegria de transmitir o vivo reconhecimento do Santo Padre Francisco, juntamente com a gratidão da Congregação para as Igrejas Orientais. Invocando sobre a sua pessoa e ministério pastoral, e sobre todos os fiéis da sua jurisdição, copiosas bênçãos divinas e a mais fraterna saudação no Senhor Jesus, desejo os melhores votos de uma feliz e Boa Páscoa.

 

Leonardo Card. Sandri
Prefeito

+ Cyril Vasil’, S.I.
Arcebispo Secretario

COMUNICADO

Convite

Ho ksolok Diocese Dili convida maluk sira hotu atu hakman-an mai participa iha Missa Comemoração ba 2º Aniversário de Sagração Episcopal Dom Virgílio do Carmo da Silva, SDB no Ordenação Candidato nain Lima ba Diaconado:

 

Fr. Abito Brites                  Fr. César Magno                Fr. Cirilo dos Santos

Fr. Domingos Godinho                Fr. Juliano X. de Jesus

 

Nebe sei Hala’o iha :

Loron/Data  : Segunda feira, 19 de Março de 2018-03-15

Fatin               : Sé Catedral, Dili

Horas             : 09:30

Missa hotu tiha sei continua ho almoço confraternização iha Igreja Catedral nia kotuk.

Ba ita bo’ot sira nia Domin, presença no oração ami hato’o Obrigado wa’in.

 

 

 

Chanceler da Diocese de Dili

Pe. Ludgerio Martins da Silva