shadow
Diocese de Dili > NOTÍCIAS > OPINIÃO > “FIGURA POLÍTICA” no “PROGRAMA POLÍTICA”

“FIGURA POLÍTICA” no “PROGRAMA POLÍTICA”

“O POLÍTICO” no “A POLÍTICA”

nafatin nudar fenómeno iha Campanha Eleitoral 2018

 

Dr. Pe. Júlio Crispim

(Jurista no Academista)

 

 

               Eleição Parlamentar Antecipada (EPA) PR decreta ona ba 12 de Maio de 2018 no iha momento nee tama ona ba período campanha eleitoral nian neebe envolve Partido Político (PP) hat no Coligação Partido Político sira (CPP) mos hat; nunee, hamutuk iha concorrente sira walu mak ba concorre kadeira balun husi kadeira 65 iha Parlamento Nacional (PN). Husi konkorente sira nee, ita identifica concorente forte ida husi PP no ida seluk husi CPP. Entre concorrente rua nee, iha hotu possibilidade atu qualifica nudar PP ka CPP mais votado ho qualificação maioria, qualificada (katak hetan mais husi cadeira 44 iha PN), absoluta (katak hetan mais husi cadeira 33 iha PN) ka simples (katak hetan menus husi cadeira 33 iha PN).  Atu hetan qualificação PP ka CPP mais votado nee, depende ba resultado EA, liu husi determinação povo ida-idak nia voto realizado iha EPA nee rasik. Campanha eleitoral nebee realiza dadaun durante período campanha nee, iha função principal atu hetan determinação povo ida-idak nia confiança no voto ba programa PP no CPP nian apresentado iha campanha eleitoral nee rasik.

               Concorrência importante ba EPA nee dadaun, ita hare katak husi PP no CPP sira aposta (taru ka vs) hela entre figura política (o político) no programa política (a política). Aposta ba figura política katak aposta ba ema político (o político), significa aposta ba ema nudar ema (o ser) ho nia influência pessoal (nia caracter pessoal, nia experiência pessoal, nia carisma pessoal no nia história pessoal). Nunee, aposta ba figura política katak aposta ba EMA SE MAK IMPORTANTE BA POLÍTICA. Enquanto, aposta ba programa política katak aposta ba plano no prioridade sira (a política), significa aposta ba sa mak atu halo (plano) no sa mak tem que halo (prioridade). Bele dehan mos, aposta ba programa política katak aposta ba hahalok política (o dever-ser) no aposta ba hatene halo buat diak (o saber-fazer) no halo ho diak (o fazer-qualidade) nudar objectivo determinate no finalidade lolos ba moris paz no digno. Nunee, aposta ba programa política katak aposta ba POLÌTICA SA MAK IMPORTANTE BA EMA

               Em concreto, iha campanha eleitoral 2018 nee, bele dehan, husi CPP neebe mak, aposta makaas ba figura política (o político) no aposta mos ba programa política (a política), mak AMP, neebe husi sorin ida, ita hetan figura hanesan MB KXG (Frente Armada), MB TMR (Frente Armada), MB L7 TMR (Frente Armada) no MB LUGU (Frente Diplomática) no husi sorin seluk, ita hetan figura Vergilio Smith (Frente Clandestina), Aderito Hugo (Frente Clandestina), Kalbuadi (?), Dionisio Babo (?), Júlio Tomas (?), Camelita Moniz (?), Francisco Guterres (?) no sst (husi CNRT), Fidelis Magalhães (geração foun) no sst husi PLP no Naimori (Frente Clandestina) no sst husi KHUNTO. Enquanto husi PP neebe mak, aposta makaas iha programa política (a política), aposta mos ba figura política (o político), mak FRETILIN, neebe husi sorin ida, ita hetan figura MB Mari (Frente Diplomática), MB Horta (Frente Diplomática), MB Abilio Araujo (Frente Diplomática), MB Rogerio Lobato (Frente Diplomática), MB Tara (Frente Armada), MB Sumoso (Frente Armada) no husi sorin seluk, ita hetan figura José Reis (Frente Clandestina), Francisco Branco (Frente Clandestina), Rui Maria de Araujo (Frente Clandestina), Aniceto Guterres (Frente Clandestina), David Ximenes (Frente Clandestina), José Manuel  (Frente Clandestina), Aurelio Guterres (Frente Clandestina), José Lobato (heroi Nicolau Lobato nia oan), Talik Reis (heroi Vicente Reis nia oan) no sst. Kona ba concorrente sira seluk (PP ka CPP), iha mos figura política ruma hanesan Avelino Coelho (Frente Clandestina) no sst husi PST, Gilaman Exposto (Frente Clandestina) no sst husi UDT, António Benevides (geração foun), Agostinho Gomes (Frente Clandestina) no sst husi PUDD, Fernando Gusmão (Frente Clandestina) no sst husi PDN, maibe sira aposta makaas ba programa política, inclui mos PD aposta makaas ba programa política, maibe PD mos aposta ba nia figura política hanesan Assanami (Frente Clandestina), Kalohan (Frente Clandestina), Adriano Nascimento (Frente Clandestina), MB Dudu (Frente Armada), Constancio Pinto (Frente Diplomatica), Nivio Magalhães (geração foun) no sst. Figura política hirak nee, ita bele considera deit hanesan produto história nian, neebe mai husi luta naruk ba independência no reconciliação iha processo harí no restaura RDTL nudar Etsado de Direito Democrático. Iha parte história luta ba independência no reconciliação, laos Frente Armada mesak mak luta (tanba mantem deit resistência Armada), laos Frente Diplomatica mesak mesak luta (tanba mobiliza deit opinião internacional no nia papel determinante balun) no laos mos Frente Clandestina mesak mak luta (tanba mobiliza deit Povo Maubere no Buibere sira nia participação no contribuição directa ka indirecta); katak Frente tolu nee hamutuk mak iha força politica boot hodi luta nafatin too restaura independência, inclui mos Igreja Católica nia papel, liu-liu hierarquia igreja nian (Bispo sira, Padre sira no Madre sira) neebe mobiliza força moral no social ba independência nee. Sira neebe la luta ba idenpendencia mak sira neebe radicalmente pro integração ka autonomia ba Indonesia.

               Independentemente husi matéria campanha eleitoral PP ka CPP nian neebe importante no determinante iha EPA, RDTL sei hetan resultado ida mosu husi eleição democrático no transparente hodi determina deputado sira neebe atu tama ba (PN) no fo biban ba PP no CPP neebe hakat liu barreira eleitoral ho maioria (qualificada, absoluta ka simples) bele lori nia deputado sira ba PN no hahu loke processo formação VIII Governo Constitucional (GC) nian. Resultado eleição democrático nee sei hamosu possibilidade rua ka hipótese rua iha processo formação VIII GC, mak: 1) hamosu PP ka CPP mais votado qualificada ka absoluta; 2) hamosu PP ka CPP mais votado simples.

               Tuir art. 106.º CRDTL, [PM indigitado husi partido mais votado (1.ª hipótese) “ou” husi aliança partido sira ho maioria parlamentar (2.ª hipótese)] katak, husi resultado EPA mak PP ka CPP ida hetan voto mais votado qualificada ka absoluta ka maioria qualificada ka absoluta (hetan ona maioria parlamentar mesak), nia indigita mesak PM hodi forma mesak VIII GC (1.ª hipótese), maibe mak husi resultado EPA, PP ka CPP ida la hetan voto maioria qualificada ka absoluta katak hetan deit voto mais votado simples ka maioria simples, sei hakat liu partícula “ou” iha norma nee, ba forma hamutuk Aliança PP ka CPP hodi hetan maioria parlamentar hamutuk ho PP ka CPP menus votado sira balun ba indigita hamutuk PM no forma hamutuk VIII GC (2.ª hipótese). Katak, husi resultado eleição democrática, CDRTL fo dalan ba forma governo liu husi hipótese rua nee: (1) forma mesak governo, wainhira PP ka CPP ida maioria qualificada ka absoluta; (2) forma hamutuk governo, wainhira PP ka CPP sira, nem ida hetan maioria qualificada ka absouta, katak PP ka CPP sira hetan hotu maioria simples, maibe sempre iha PP ka CPP ida mak mais votado nafatin no sira seluk menus votado hotu, (tuir CRDTL, laos 1.º mais votado, 2.º mais votado, 3.º mais votado ka sst).

               Nunee, tuir CRDTL katak PP ka CPP mais votado (qualificada, absoluta ka simples) mak iha privilegio no legitimidade democrática ba hahu processo formação GC mesak (ba PP ka CPP ho maioria qualificada ka absoluta) ka hamutuk (ba PP ka CPP ho maioria simples), enquanto PP ka CPP menus votado sira bele hola parte iha formação governo nee, wainhira hetan convite husi PP ka CPP mais votado (qualificada, absoluta  ka simples). Nunee, PP ka CPP menus votado sira la iha privilegio no legitimidade democrática ka la iha dalan tuir CRDTL atu hahu mesak processo formação governo, excepto iha consenso política entre PP no CPP (mais votado ho menus votado sira) no hetan consentimento legítimo husi PP ka CPP mais votado (simples) no mos husi Presidente República (PR) nudar dalan ikus iha processo formação governo nee.

               Husi resultado eleição democrática, qualquer PP ka CPP neebe hetan confiança política ho voto maioria iha eleição democrática (art. 7.º CRDTL) ba forma governo, programa política neebe considerado nudar materia principal, laos único, iha campanha eleitoral, mak sei considera nudar elemento determinante lolos iha formação governo nee. Iha nee, programa política mak sai nudar objecto determinante hodi acesso ba poder politika neebe democraticamente iha povo nia liman (art. 62.º CRDTL) ba governação legítima ida.

               Nunee, wainhira PP ka CPP ida hetan confiança política husi povo, programa política (a política), laos deit figura politca (o político), mak sai nudar factor determinante ba governação neebe iha capacidade no estabilidade governativa, tanba CRDTL rasik mak comtempla exigência no responsabilidade sira kona ba programa política PP ka CPP nian (iha manual política PP ka CPP nian) neebe sei transforma ba programa governo nian (art. 108.º CRDTL) hodi submete ba apreciação PN nian atu hetan confiança ka rejeição (art. 109.º CRDTL) husi maioria absoluta deputado sira iha efectiva função.

              Habadak, katak programa política (a política) PP ka CPP nian, laos deit figura política (o político), nudar elemento determinante iha campanha eleitoral ba hetan confiança política husi povo hodi hetan acesso ba poder política iha PN no iha Governo. Figura política (o político) considerado nudar sujeito política ida importante hodi dirige no organiza PP ka CPP, katak nudar sujeito política ida neebe bele halo decisão no gestão diak ba funcionamento PP no CPP sira. Nunee, wainhira hetan confiança política ho voto maioria husi povo figura política bele nakfilak ba figura governativa iha período governação. Enquanto, programa política (a política) considerado nudar objecto política ida determinate  hodi fo beneficio ba povo nia moris diak no bele garante PP ka CPP ba hetan confiança povo nian. Nunee. wainhira  PP ka CPP ba hetan ona confiança povo, programa política nee sei nakfilak ba programa governo nian, liu husi apreciação ka rejeição PN nian, iha período governação nian.

              Ikus, iha EPA 2018, bele dehan nafatin katak povo TL, laos povo matan delek no povo tilun diuk ka povo ignorante, maibe povo neebe, hori otas hori wain kedas, matan-moris no néon-nain nafatin. Katak, povo TL, hori uluk kedas, liu husi 30 de Agosto tinan 1999 too tinan 2018 nee, liu ona husi processo autodeterminação independência nian no liu mos husi determinação ka decisão politica lubuk ida, neebe hatudu momos katak povo TL, povo neebe matenek no povo neebe consciente, katak POVO NEEBE HATENE VOTA, vota tuir deit nia consciência no entendimento politica no vota tuir compromisso no determinação política ba: (1) HAMETIN SOBERANIA liu husi haforça COOPERAÇÃO INTERNACIONAL, (2) HADIA POVO NIA MORIS liu husi habelar INCLUSÃO SOCIAL no (3) HAMOS CORRUPÇÃO liu husi hakbi’it SISTEMA JUSTIÇA neebe PP ka CPP sira hamosu iha programa politica, laos vota deit ba figura politica no money politica neebe bele mosu iha eleição democrática sira.

 

OBRIGADO

KARIK LAOS OHIN, BAINHIRA TAN – KARIK LAOS POVO, SE TAN FALI

MAK ATU

VOTA BA PROGRAMA POLITICA

PARABENS BA POVO TIMOR-LESTE

Dili, 21 de Abril de 2018

Dr. Pe. Júlio Crispim Ximenes Belo

Formado em Filosofia e Teologia na STFK – Flores – Indonésia

Formado em Direito na Faculdade de Direito da Universidade de Macau – China

Formado em Direito na Pós-graduação e Pesquisa da UNTL – Timor-Leste

One comment on ““FIGURA POLÍTICA” no “PROGRAMA POLÍTICA”

  1. Lino

    Artigo Furak, espera bele inspira no motiva povo doben Timor-Leste, liliu ba maluk joven sira..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *